NILSON RUTIZAT
Escrever para mim é como respirar, eu preciso escrever para continuar vivo.
Capa Meu Diário Textos Áudios E-books Perfil Livros à Venda Prêmios Contato Links
Textos
Minha flor

Dentro de mim,
Lá dentro, no fundo,
Nasce uma flor.
Um sentimento profundo
Que cresce sem pudor
No coração desse vagabundo.

Essa flor ignora o mundo,
As dores, e cresce todo dia.
Os desamores se transformam
Em adubo, em nostalgia,
Até as dores são nutrientes
Para essa flor que é a poesia.

E exala seu perfume
Em pétalas delicadas.
Minha flor virou costume,
Todo dia é alimentada
E floresce para o mundo
Em minhas poesias publicadas.
Nilson Rutizat
Enviado por Nilson Rutizat em 18/10/2020
Copyright © 2020. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Comentários